Cirurgia de Fístula Anal

Download PDF PRÉ E PÓS-OPERATÓRIO DE FISTULOTOMIA 

Uma fístula anal é uma comunicação, um trajeto, entre a pele na parte externa da área anal e a parte interna do canal anal. Há muitos tipos de fístula, desde as relativamente simples até ramificações complexas. Algumas podem envolver os músculos responsáveis pelo controle do intestino. Cada fístula é individual.

Como a operação irá me ajudar?

Muitas operações podem ser realizadas. Você deve conversar com seu médico sobre qual tipo está sendo planejada para você. O objetivo da cirurgia é abrir o trajeto, de forma a promover cicatrização a partir da base da fístula e, depois, da superfície, a fim de evitar que partes infectadas fiquem dentro do ferimento. Esse período de cicatrização pode ser um processo demorado, pode levar de uma semana a vários meses. É impossível determinar quanto tempo isso pode levar em cada caso.

 

 Que preparação é necessária antes da operação?

Você muito provavelmente dará entrada no hospital um dia antes ou na manhã do dia da operação. Exames de sangue de rotina são feitos antes de qualquer operação, caso isso não tenha acontecido anteriormente. Você responderá perguntas sobre seu estado geral de saúde a médicos e enfermeiros. Essa é uma boa hora para discutir quaisquer dúvidas que você tenha sobre a cirurgia. Talvez seja usado um enema para esvaziar o reto, antes da cirurgia.

 

O que acontecerá depois da cirurgia?

Quando você estiver acordado e os efeitos da anestesia tiverem passado você poderá comer, beber e se levantar assim que desejar.

Você deverá permanecer no hospital até que os efeitos da anestesia tenham passado.

Você normalmente terá um curativo colocado na entrada do ânus. Serve para controlar sangramento na área. O curativo pode provocar uma sensação de desconforto, ou pode fazer você se sentir como se precisasse evacuar (embora não seja provável que você precise).

Espera-se também um pouco de dor. Analgésicos devem estar disponíveis, peça ao enfermeiro.

Você deve poder tomar  banho no dia seguinte à cirurgia, e isso vai fazer com que o curativo seja removido (um puxão gentil pode ser necessário). È possível que haja um pouco de sangramento (não fique alarmado – a água pode ficar bastante vermelha). Peça ajuda ao enfermeiro se você ficar preocupado.

Como vou evacuar?

A partir do dia da sua operação você talvez receba alguns laxantes. Isso vai amolecer a massa fecal e estimular ação intestinal. Você pode não evacuar por um dia ou dois, e quando o fizer pode sentir algum desconforto e um pouco de sangramento pode ocorrer. Isso é esperado. A dor pode ser controlada por meio de analgésicos sempre que você os requisitar. É uma boa idéia tomar analgésicos 15 ou vinte minutos antes de tentar evacuar.

Cuidando do ferimento

Inicialmente o curativo será feito diariamente. Será solicitado que você tome banho ou use o bidê antes que o curativo seja feito. Isso deve ajudar a remover o curativo anterior e também a limpar a parte externa do ferimento.  Experiência mostra que é muito importante que o ferimento cicatrize da base para cima. Para evitar que pequenas bolsas se formem durante o processo de cicatrização, o enfermeiro que estiver fazendo o curativo pode ter que inserir o dedo no trajeto. Esse procedimento é chamado de digitação. Ele pode ser um procedimento desconfortável, mas é essencial para a boa cicatrização. Um gel anestésico será usado. Alguns pacientes podem ter de usar um +dilatador anal.

Seu enfermeiro irá discutir a melhor forma de alívio da dor se você achar necessário. Tomar um analgésico meia hora antes da troca de curativo pode ser de ajuda.

O ferimento pode ser coberto com gaze embebida em uma loção e gel anestésico, para garantir que a cicatrização ocorra da forma correta.

 

Quanto tempo ficarei no hospital?

Isso varia, e depende do tipo e complexidade da fístula. Para uma fístula simples deve ser de um a três dias. para uma mais complexa pode ser uma semana ou mais.

 

 Cuidando dos curativos em casa

Antes de você ir para casa o enfermeiro irá explicar como fazer os curativos em casa. Talvez você precise continuar trocando o curativo todos os dias. Você mesmo, ou alguém que more com você podem fazer isso. O curativo deve ser posto aberto sobre o ferimento. O uso de fita médica gaze não é necessário, pois dificulta absorção.

O curativo é feito de forma limpa; não esterilizada. É muito importante que se insira um dedo com gel anestésico no ferimento cada vez que o curativo é feito, para se certificar que a cicatrização ocorre da base para cima. O trajeto fistular deve ser então lavado e coberto com gaze embebida em loção e gel anestésico.

Pode ser que ocorra algum corrimento enquanto a cicatrização não estiver completa. Se necessário use algo pra proteger suas roupas de baixo. Usar um creme barreira na pele próxima ao ferimento ajuda a proteger a pele. Se pelos começarem a crescer você talvez tenha que providenciar que eles sejam removidos, para que não cresçam para dentro do ferimento. Você deve tomar banho ou usar um bidê para limpar a área depois de evacuar.

 

O que devo fazer se eu sangrar depois que chegar em casa?

Há grandes chances de haver um pequeno sangramento do ferimento, ou do ânus depois da operação. Você talvez perceba isso depois de fazer o curativo, nas fezes ou no papel higiênico. Isso é normal e nada com o que se preocupar. Talvez haja também um corrimento do ferimento por algumas semanas. Usar algo para proteger suas roupas de manchas é uma boa idéia. Caso algum sangramento maior ocorra, procure seu médico.

 

Quanto tempo devo ficar fora do trabalho?

O tempo necessário para voltar às atividades normais varia para cada pessoa e depende também da extensão da sua cirurgia. Faça o que conseguir. Se você precisar tomar analgésicos eles podem fazer você ficar sonolento, portanto você deve evitar dirigir ou operar maquinários. Se carregar objetos pesados causa desconforto você deve evitar. A maioria dos pacientes precisa de uma ou duas semanas fora do trabalho depois que eles voltam para casa, mas isso depende do que você faz e da extensão da fístula.

É recomendado que se evite ficar sentado ou andar por longos períodos. Você não deve nadar até que o ferimento esteja cicatrizado porque o cloro afeta o processo de cicatrização e há a chance de se pegar ou transmitir uma infecção. Exercício vigoroso pode ser desconfortável. Comece caminhando e aumente o nível das suas atividades gradativamente. Você pode voltar a ter relações sexuais assim que se sinta confortável.

 

Há efeitos de longo prazo?

Em pouquíssimos casos, se o paciente tem a musculatura do esfíncter anal fraca, e tendência para dificuldade em controlar o intestino, ou corrimentos, isso pode piorar depois da operação. Se você acha que pode estar sujeito a isso fale com seu médico;

 

O que fazer se eu precisar de mais informação?

Se você tem algum problema ou perguntas imediatamente após ir para casa, por favor, entre em contato com o hospital em que você estava. Se houver algum problema alguns dias depois de você estar em casa, por favor, procure seu médico ou enfermeiro.

Fale Conosco

Rua Dr. Ramos de Azevedo, 159
10º andar - Sala 1004 - Centro
Guarulhos - SP - Cep: 07012-020
Atendimento Whatsapp
Atendimento Whatsapp

REDES SOCIAIS

Facebook

Youtube

Linkedin

Podcast

Newsletter

Cadastre-se e receba novidades

© 2022 DR. WILTON SCHMIDT CARDOZO | Coloproctologia - CRM 76971 - RQE 31477
Desenvolvido por A9 Marketing Digital
Desenvolvido por A9 Marketing Digital